Publicações

Meio Ambiente

Califórnia será o primeiro estado dos EUA a exigir painéis solares em novas casas

A Califórnia está dando um enorme passo para frente quando se fala energia limpa, Califórnia será o primeiro estado dos EUA a exigir painéis solares em novas casas, de acordo com  The Orange County Register. A Comissão de Energia da Califórnia está programando para votar sobre as novas normas obrigando quase todas novas casas a serem equipadas com painéis solares, começando em 2020 e a expectativa é que a norma seja aprovada.

 

O Golden State “está prestes a dar um salto quântico nas normas de energia”, segundo a Associação da Indústria de Construção da Califórnia na palavra do diretor técnico, Bob Raymer. Não poderá haver alternativas ou exceções permitidas para estruturas sombreadas por outros prédios ou árvores, ou se um telhado é muito pequeno para permitir a fixação de painéis solares. As novas disposições oferecem créditos de conformidade para os construtores que instalarem baterias como a Tesla Powerwall, permitindo-lhes para cortar o  investimento nos sistemas solares.

 

Comparado com uma norma de 2006, essas novas normas acrescentaria cerca de US$25.000 a US$30.000 de custo às construções, de acordo com Meritage Homes. US$ 14.000 a $ 16.000 de que iria para a energia solar; $ 10.000 a $ 15.000 iria para o aumento de isolamento e eletrodomésticos, janelas, aquecimento e iluminação que é mais eficiente.

O presidente da Meritage Homes, Herro, disse que de US$ 25.000 a US$ 30.000 levaria a US$ 50.000 a US$ 60.000 em custos operacionais reduzidos durante a vida útil de 25 anos do sistema de energia solar em casa.

 

Homebuilder e antigo presidente da Federação da Indústria de Construção Orange County, Bill Watt, disse ao jornal The Orange County Register que os custos acrescidos poderá significar no aumento dos preços das casas que tornariam impraticáveis para muitos compradores. O Sierra Club California, representado pelo diretor Kathryn Phillips, disse ao jornal The Orange County Register, “A tecnologia está se desenvolvendo tão rápido, nós pensamos que o cronograma foi um pouco lento.”

 

Fonte: Portal Engenharia E

Publicado em Fri May 11 14:34:00 CDT 2018